Fuso-horário internacional

Translate

English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

PÁGINAS

Voltar para a Primeira Página Ir para a Página Estatística Ir para a Página Geográfica Ir para a Página Geopolítica Ir para a Página Histórica Ir para a Página Militar

domingo, 17 de outubro de 2010

O PENTÁGONO NEGOCIA COM ROSOBORONEXPORT A COMPRA DE MI-17 PARA O AFEGANISTÃO.

O Mi-17 é um helicóptero de uso múltiplo, conserva o codinome 'Hip-H', para relacionar a sua derivação do Mi-8. Foto: wk.kstu.kz
 O Pentágono mantem negociações diretas com a companhia estatal russa Rosoboronexport de exportação de armamentos, na intenção de comprar um lote de helicópteros Mi-17 que se destinarão ao Afeganistão, informa o último número do semanário militar estadonidense Defense News.

 "É do interesse de nossas tropas estabelecer com os fabricantes de armamento militar russos as mesmas relações que mantinhamos com a companhia Boeing, que produz os helicópteros Chinook, ou a empresa Sikorsky Aircraft, que fabrica os helicópteros Black Hawk", indicou em entrevista ao semanário, Bert Vergez, chefe de projetos do Exército Americano para uso de uma não padronizada aviacão de helicópteros.

 As negociações sem intermediários ocorreram após o governo dos Estados Unidos ter cancelado em maio passado as sanções unilaterais contra várias companhias russas, inclusive a Rosoboronexport.

 Essas sanções foram introduzidas por Washington com o pretexto da violação da lei americana de não proliferação de armas de destruição em massa com respeito ao Irã, Coréia do Norte e Síria ou da violação dos regulamentos internacionais de controle.

 Os helicópteros Mi-17, segundo as declarações do Pentágono, devem ser uma parte das Forças Aéreas do Afeganistão, e já que estas máquinas tem demonstrado sua efetividade em terrenos altos os afegãos conhecem os modos de sua operação.

 O Mi-17 (versão avançada do conhecido veterano Mi-8) é um modelo de helicóptero multifuncional de carga média, capaz de operar em qualquer condição meteorológica e com autonomia de 1.000 kilômetros.

Fonte: http://actualidad.rt.com/economia/sectores/issue_15261.html
Mais informações: http://www.aviastar.org/helicopters_eng/mi-17.php

O Irã publicará evidências de que os Estados Unidos estão fornecendo a Israel material nuclear.


 O negociador-chefe do programa nuclear iraniano, Said Jalili, assegurou nesta segunda-feira que seu país irá em breve publicar documentos mostrando que os EUA estão fornecendo material nuclear a Israel. Para Jalili, o principal problema no mundo árabe é como o regime sionista pode obter essas armas. Israel é considerado a única potência nuclear no Oriente Médio, enquanto que tanto o estado judaico como vários países ocidentais suspeitam que o Irã está tentando construir uma bomba atômica, o que Teerã nega.

 A maior parte da assim chamada "comunidade internacional" no Ocidente acusa o Irã de ocultar sob o seu programa nuclear civil, outro de uma natureza clandestina de guerra e aplicações da guerra, cujo objetivo é a aquisição de armas nucleares. Isto é negado pelo Teerão.

 Em novembro do ano passado o Irã rejeitou uma proposta de Washington, Moscou e Londres para trocar os seus 3,5% de urânio por combustível nuclear para a central de pesquisa que possuem na capital. Desde então, não há negociações formais entre as partes.

Por Lisa Karpova

Fonte: http://english.pravda.ru/world/asia/16-10-2010/115394-us_supplying_israel_with_nuclear_material-0/

Leia também:


Últimas postagens

posts relacionados (em teste)

Uma parceria estratégica entre França e Rússia tra ria benefícios econômicos para a Europa?

SPACE.com

NASA Earth Observatory Natural Hazards

NASA Earth Observatory Image of the Day

ESA Science & Technology