Fuso-horário internacional

Translate

English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

PÁGINAS

Voltar para a Primeira Página Ir para a Página Estatística Ir para a Página Geográfica Ir para a Página Geopolítica Ir para a Página Histórica Ir para a Página Militar

quarta-feira, 2 de março de 2011

Países da OTAN exportam armas e material militar à Líbia de Kaddafi.

A União Européia exporta aproximadamente 340 milhões de euros do seu equipamento militar à Líbia cada ano. Aqui estão os detalhes - que país, que tipo de equipamento.

O registro oficial está aqui. Estes são dados de 2009, o disponível mais recentemente. Reuni os dados em um gráfico e é impressionante mesmo, saber que as mesmas democracias que estão promovendo chuvas de críticas nesse instante ao Regime Líbio exportam parte de suas forças militares à mesma Líbia de Kaddafi. Veja no gráfico os valores em Euro das exportações e a porcentagem de cada país europeu fornecedor de armas à Líbia.



O que mostram esses números?
  • Com €343 milhões por ano compram-se muitas armas. Isto não é qualquer coisa, esta é uma enorme contribuição para manter Kaddafi no poder.
  • Os 4 maiores exportadores foram a Itália, a Alemanha, a França e o Reino Unido. Exatamente os mesmos quatro lideraram uma campanha em 2004 da UE a suspender o embargo de armas na Líbia. Alguém pode afirmar com uma cara séria que isto não foi um caso de interesses comerciais que têm prioridade sobre o povo da Líbia?
  • A Grã-Bretanha e a França tiveram as exportações de armas mais variadas, inclusive a maior parte do material realmente sórdido. Eles forneceram respectivamente 210.795 dólares e 476.604 euros "de agentes tóxicos químicos ou biológicos, 'agentes antimotim', materiais radioativos, equipamento relacionado, componentes e materiais"
  • Há muito ainda que não aparece, que não está nesses números.
  • A venda de Malta de  80 milhões em armas pequenas é uma ficção contábil, ou, eventualmente, algum tipo de esquiva legal. Eles foram vendidos por uma empresa italiana, que passou entre os navios no mar perto de Malta.
  • Esses números são todos para licenças de exportação concedidas. É possível que em alguns casos as armas não foram vendidas no final. Mas as licenças são as melhores provas públicas que temos.

Fonte: http://ohuiginn.net/mt/2011/02/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Últimas postagens

posts relacionados (em teste)

Resumo

Uma parceria estratégica entre França e Rússia tra ria benefícios econômicos para a Europa?

SPACE.com

NASA Earth Observatory Natural Hazards

NASA Earth Observatory Image of the Day

ESA Science & Technology