Fuso-horário internacional

Translate

English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

PÁGINAS

Voltar para a Primeira Página Ir para a Página Estatística Ir para a Página Geográfica Ir para a Página Geopolítica Ir para a Página Histórica Ir para a Página Militar

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Segundo Wikileaks os E.U.A. mantêm armas nucleares táticas na Turquia.



 Os Estados Unidos mantêm armas táticas nucleares na Turquia, revelam documentos secretos publicados recentemente através do portal Wikileaks.



 O subsecretário de estado americano, Philip Gordon, se manifestou em novembro de 2009 contra a retirada de munições nucleares desde Alemanha, Bélgica e Holanda, pois isto “complicaria em plano político sua permanência na Turquia”. Esta frase, que Gordon disse a um assesor internacional da chanceler federal alemã Angela Merkel, está contida em um relatório do embaixador dos Estados Unidos em Berlim, um dos quase 250 mil arquivos confidenciais liberados pelo Wikileaks.

 O politólogo turco Umit Ozdag disse em declarações ao diário Akşam que “a presença de armas nucleares na Turquia é uma realidade”. “Ozdag pensa que “estão implantadas em Incirlik”, a base aérea da OTAN localizada no sul do país.


Mapa com a localização da base aérea de Adana-Incirlik na Turquia. Imagem: Google maps.




 A imprensa turca e a internacional afirmou reiteradas vezes que em Incirlik estão instaladas  umas 90 bombas aéreas do modelo B-61 que Ankara e Washington sempre recusaram comentar a respeito.

 O general aposentado Armagan Kuloglu observou que “se a Turquia realmente hospeda armas nucleares e o Governo está consciente disso, essa situação contraria as declarações oficiais (sobre a não proliferação nuclear)”.


Fonte: http://sp.rian.ru/Defensa/20101202/147991118.html


Leia também:



Putin adverte: a Rússia incrementará seu arsenal nuclear se E.U.A. não ratificar o tratado START.
Segundo Wikileaks os E.U.A. mantêm armas nucleares táticas na Turquia.
Sistemas defensivos consomem recursos - para cada míssil de defesa a solução seria construir dois de ataque.
A Rússia possui 10 mil ogivas nucleares.
A maioria dos russos é contra em prosseguir com o desarmamento nuclear.
O Irã publicará evidências de que os Estados Unidos estão fornecendo a Israel material nuclear.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Últimas postagens

posts relacionados (em teste)

Resumo

Uma parceria estratégica entre França e Rússia tra ria benefícios econômicos para a Europa?

SPACE.com

NASA Earth Observatory Natural Hazards

NASA Earth Observatory Image of the Day

ESA Science & Technology