Fuso-horário internacional

Translate

English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

PÁGINAS

Voltar para a Primeira Página Ir para a Página Estatística Ir para a Página Geográfica Ir para a Página Geopolítica Ir para a Página Histórica Ir para a Página Militar

domingo, 22 de maio de 2011

Cientístas russos desenvolvem novo padrão wireless de comunicação.

Moscow, 26 de janeiro, RIA Novosti.

 Cientístas russos desenvolvem um novo padrão de comunicações sem fio, HPIP, que supera em algumas características a tecnologia atual, LTE.

 Uma equipe de investidores particulares de Hong Kong já pagou 30 milhões de dólares pela exclusiva distribuição do produto em China, Malásia, Indonésia, Índia e Hong Kong, comunicou Iván Poliakov diretor da empresa siberiana Radiozavod A.S. Popov que criou a nueva tecnología.

 Comparado ao padrão LTE, o HPIP (pela sigla em inglês de Hybrid Public Intellectual Product) garante a mesma capacidade de tráfego – até 10 Mbps - porém uma maior cobertura originada a partir da estação base. Para introduzir a nova tecnologia, é necessário mudar as estações base e substituir nos telefones celulares os chips GSM por outros, HPIP.

 Dmitri Déyev, especialista da empresa MForum Analitics, apontou que o lançamento do novo produto ao mercado “requer recursos colossais” e que “somente a Rússia não poderá fazer-lo nem custear esse investimento”, além das normas existentes - GSM, CDMA, LTE – também podem modernizar-se ao ponto de competir com o HPIP.

 Seu colega Konstantín Ankílov, da iKS-Consulting, considera que os autores da nova tecnologia acertaram a venda de direitos para o mercado asiático. “Se algum dos fabricantes taiwaneses de telefones celulares apoiar esse modelo, em cinco ou sete anos automaticamente se tornará popular a escala global”.

Fonte: http://sp.rian.ru/science_technology_space/20110126/148247670.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Últimas postagens

posts relacionados (em teste)

Resumo

Uma parceria estratégica entre França e Rússia tra ria benefícios econômicos para a Europa?

SPACE.com

NASA Earth Observatory Natural Hazards

NASA Earth Observatory Image of the Day

ESA Science & Technology