Fuso-horário internacional

Translate

English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

PÁGINAS

Voltar para a Primeira Página Ir para a Página Estatística Ir para a Página Geográfica Ir para a Página Geopolítica Ir para a Página Histórica Ir para a Página Militar

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Drone derrubado no Irã: 'o grande jogo dos EUA pode faiscar a III Guerra Mundial'.

Drone - avião não tripulado chamado pelos EUA de Predador.
 Depois do último relatório de que os militares iranianos derrubaram um drone dos Estados Unidos no Irã oriental, o apresentador de rádio Stephen Lendman disse a RT que as missões de reconhecimento dos Estados Unidos em direção a maiores ambições de dominação, chegam a tal ponto que poderia levar à guerra completa.

 Com a tensão diplomática que consegue atingir um ponto fervente entre o Irã e o Ocidente, Lendman acredita que tais operações de espionagem são parte e parcela de uma guerra maior que os Estados Unidos vem travando contra o Irã durante décadas.

 “Desde os anos 1970 a América teve uma guerra periódica corrente com o Irã, basicamente querendo modificar o regime, fazê-lo subserviente aos interesses dos Estados Unidos, e o Irã tem a noção louca de que ele acredita ter o direito à sua própria soberania, dirigir o seu próprio governo, conduzir os seus próprios assuntos, que não tem de responder a Washington. Washington desacorda, e nisso está o conflito,” ele disse.

 Lendman também afirma que as Forças Especiais dos Estados Unidos já estão funcionando dentro do Irã, a ponto de ele acreditar que o acúmulo para um ataque está ficando iminente. Segundo Lendman, eventos recentes na Líbia, na Síria, e agora no Irã, aponta em direção a uma maior passagem para conter todos os que poderiam se opor ao poder dos Estados Unidos desenfreado.

Como os EUA podem destruir o programa nuclear do Irã.
[Use abrir em nova janela ou nova aba]
 “A América teve durante alguns anos, especialmente desde os anos de Bush, o que eles chamam o maior projeto do Oriente Médio. O projeto é a dominância total sobre a região, o Norte da África, o Oriente Médio, a Ásia Central, a bordas da Rússia. A Rússia naturalmente está sendo rodeada de bases militares dos Estados Unidos, a China também. Isto é parte do jogo da América. Eles estão tentando eliminar países que não estão na órbita da América. Assim houve uma guerra contra a Líbia e a Síria está sendo visada. O modelo líbio está sendo duplicado na Síria, por enquanto falta o bombardeio da OTAN. Se a Síria for separada do Irã, o Irã é o próximo. "Pode haver uma revolta no Irã, o mesmo como ocorreu na Líbia, o mesmo como ocorreu na Síria, e muito possivelmente nos conflitos seguintes.”

 Depois de a Agência Internacional de Energia Atômica (OIEA) em informar em 8 de Novembro que afirmou que o Irã esteve desenvolvendo ativamente armas nucleares, Lendman contou que nenhum país foi mais transparente com a OIEA do que o Irã.

 Contudo, Lendman acredita que se as alegações quanto a armas nucleares forem usadas para justificar a guerra, o Irã, diferentemente da Líbia, é um grande país com capacidades militares poderosas, e qualquer ataque injustificado de Israel ou dos EUA pode resultar num desastre.

 “O Irã vem dizendo enfaticamente, se for atacado por Israel, pela América, ele responderá, ele disparará depois. O Irã pode atacar cidades israelenses, pode atacar bases dos Estados Unidos. Estamos falando sobre algo muito sério, estamos falando sobre a possibilidade da guerra geral, ouso a dizer assim, a Terceira Guerra Mundial.”

Fonte: http://rt.com/news/iran-us-war-drone-013/

Leia também:

A guerra forma nuvens sobre o Irã.
Relatório dá provas de que o Irã pode chegar à criação uma bomba atômica.
O Irã afirma não retroceder do seu programa nuclear.
Sinal verde para o ataque de Israel ao Irã.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Últimas postagens

posts relacionados (em teste)

Resumo

Uma parceria estratégica entre França e Rússia tra ria benefícios econômicos para a Europa?

SPACE.com

NASA Earth Observatory Natural Hazards

NASA Earth Observatory Image of the Day

ESA Science & Technology