Fuso-horário internacional

Translate

English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

PÁGINAS

Voltar para a Primeira Página Ir para a Página Estatística Ir para a Página Geográfica Ir para a Página Geopolítica Ir para a Página Histórica Ir para a Página Militar

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Os E.U.A. não aceitará criar com a Rússia um escudo contra ameaças espaciais.

Representação artística do sistema de geoposionamento GLONASS em operação.

 Estados Unidos não aceitará criar juntamente com a Rússia um escudo anti-mísseis que ajudaria a afastar também as ameaças espaciais, declarou o general Evgueni Buzhinski, membro do Conselho de Especialistas e Consultas do Centro de Investigações Políticas da Rússia.

 "É evidente que os Estados Unidos não aceitará esse consórcio porque não quer criar nenhum escudo em sociedade com a Rússia", indicou Buzhinski a RIA Novosti.
 O diário russo "Kommersant" comunicou na quarta-feira, citando fontes diplomáticas, que Moscow quer propor a Washington a criação de uma "defesa estratégica da Terra". A idéia consiste em "reorientar" o escudo anti-mísseis americano na Europa de tal modo que permita deter também as ameaças espaciais.

 A autoria desta idéia se atribui a Dmitri Rogozin, representante especial do presidente da Rússia para a cooperação com a OTAN na defesa anti-mísseis.

 A "defesa estratégica da Terra" prevê não só a detecção de objetos espaciais, como também sua destruição. "É um projeto muitíssimo caro. Nem a Rússia nem os Estados Unidos têm por enquanto recursos suficientes para destruir asteroides", disse Buzhinski.

 Entretanto, o membro do Conselho Público para o Ministério russo da defesa, Ígor Korótchenko, elogiou a iniciativa dos diplomátas rusos.

 "Realmente se deve dar crédito às ameaças existentes no mundo. Um ataque com mísseis lançado pelo Irã já não é atual e faria mais sentido reorientar o potencial do escudo anti-mísseis americano para repelir ameaças espaciais", apontou Korótchenko.

 Ele também comentou que a Rússia, neste caso, pode propor para o escudo conjunto seu próprio sistema de controle do espaço, os elementos da sua defesa antiaérea de Moscow e o sistema de mísseis antiaéreos de quinta generação S-500 em processo de desenvolvimento.

 "Porque nenhum país poderá cumprir esta tarefa unicamente com forças próprias", acrescentou o especialista.

Fonte: http://sp.rian.ru/international/20111018/151161298.html

Leia também:

Defesa de mísseis de longo alcance falha.
Um guarda-chuva antimísssil para proteger a Europa de ameaças espaciais.
Rússia implantará defesasa de mísseis no mar.
Irã não é capaz de atacar a Europa mas Washington insiste em 'não Start' com Moscow.
Projeto Anaconda visa cercar a Rússia com mísseis da OTAN.
Rússia prepara-se para os piores cenários possíveis no desfecho do mundo.

Um comentário:

  1. excelente matéria,que pena que as divergência políticas não ajudam em nada a humanidade como um todo!

    ResponderExcluir

Últimas postagens

posts relacionados (em teste)

Resumo

Uma parceria estratégica entre França e Rússia tra ria benefícios econômicos para a Europa?

SPACE.com

NASA Earth Observatory Natural Hazards

NASA Earth Observatory Image of the Day

ESA Science & Technology